Cimsaúde amplia atendimento na região

 

O Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais (CIMSaúde) deu início no mês de maio  ao atendimento de várias especialidades. Agora, na sede do Consórcio, em Ponta Grossa, pacientes podem realizar consultas e exames de oftalmologia, dermatologia, cardiologia e otorrinolaringologia. “E em breve começaremos a ofertar também a neurologia”, antecipa a presidente do Consórcio e prefeita do município de Tibagi, Ângela Mercer de Mello.

Somente na área de oftalmologia, que apresenta uma das maiores filas de espera na região, em 15 dias foram mais de 300 atendimentos. Estes atendimentos são ofertados para os 19 municípios associados ao Consórcio e à Associação de Municípios dos Campos Gerais (AMCG). “As Secretarias Municipais de Saúde destes municípios é que nos encaminham os pacientes”, conta o coordenador do Consórcio, Luciano Camargo.

Os atendimentos das especialidades foram possíveis após a compra de diversos equipamentos como estetoscópios, aparelhos de pressão,  aparelho de eletrocardiógrafo, autoclave, além do laboratório completo de oftalmologia. “Os materiais foram adquiridos com recursos repassados através do Convênio Consus do Governo do Estado”, explica a diretora executiva do CIMSaúde, Konstance Johnsson  Kremer .

Além destas especialidades, a sede do Consórcio tentará disponibilizar a partir do próximo mês o atendimento da ‘Rede Mãe Paranaense’. “Estamos abrindo credenciamento de empresas que contam com uma equipe multidisciplinar focada no atendimento da gestante”, destaca Camargo, citando médicos obstetra, pediatra, cirurgião pediatra, endocrinologista, nefrologista, cardiologista, cardiologista pediátrico, oftalmologista, oftalmologista pediátrico, angiologista, neurologista e neurologista pediátrico; além de profissionais da enfermagem, psicologia, nutrição, assistência social, podologia, farmácia, fisioterapia e educação física.  “Toda esta equipe prestará atendimento à gestante de médio e alto risco e a crianças menores de um ano de médio e alto risco”, destaca o coordenador do Consórcio.

Para o atendimento da Rede Mãe Paranaense, o Consórcio adquiriu balanças adulto e infantil, monitor fetal cardiotocógrafo, mesa ginecológica e o aparelho de ultrassonografia com doppler. Conforme Camargo, hoje as ultrassonografias são realizadas em hospitais credenciados. “Vamos agilizar este atendimento, pois aqui o foco será a gestante”, garante, contando que nos hospitais que o CIMSaúde tem parceria são realizados diversos tipos de ultrassom, não somente da gestante.

Além de gestantes e crianças, os profissionais que serão credenciados no Consórcio estarão aptos a atender doentes crônicos, hipertensos, diabéticos e pacientes renais crônicos. Para a presidente do Consórcio, este é o início de uma nova fase no atendimento das especialidades da região. “É com muita alegria que ofertamos estes atendimentos, para que os cidadãos tenham a disponibilidade de contar com serviços especializados. Assim poderemos contribuir na melhoria dos índices da saúde em nossa região”, exulta Ângela.

 

 

CIMSaúde participa de Congresso em Foz

 

Gestores da saúde dos Campos Gerais participaram no mês de abril do I Congresso Regional Centro-Oeste, Sudeste e Sul e XXXI Congresso Estadual de Secretarias Municipais de Saúde realizado em Foz do Iguaçu. Entre os presentes estavam o ministro da Saúde, Arthur Chioro, e o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto.

O evento teve como tema ‘Gestão do SUS e o Modelo de Atenção à Saúde: os Municípios e as Soluções’, e reuniu gestores e profissionais de saúde de dez estados brasileiros das três regiões envolvidas. “Trouxemos ao congresso a experiência do Paraná na construção das redes de atenção à Saúde, estratégia que tem garantido avanços significativos, como a redução da mortalidade materna e infantil no Estado, com a Rede Mãe Paranaense, e a redução das mortes por acidentes, com a Rede Paraná Urgência”, diz o secretário Michele Caputo Neto.

O Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais (CIMSaúde) também esteve presente. A diretora executiva Konstance Johnsson Kremer participou juntamente com alguns secretários e técnicos da região, de Sengés Maguiane de Fátima Ribeiro Copetti, de Porto Amazonas Dirlei de Lima, de Arapoti Talia Teixeira Kluppel dos Santos e de Carambeí, Pamela Holleben Pechut Costa. 

 

Diretoria traça metas para 2015

 

Em reunião realizada no dia 3 de março, a presidente do Consorcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais (Cimsaúde), e prefeita de Tibagi, Ângela Mercer de Mello, juntamente com a diretora executiva Konstance Kremer e o coordenador Luciano Camargo, definiram as metas para este ano. "Começamos a definir novos projetos", destacou Ângela.

 

 

 

Presidente do Cimsaúde compõe nova diretoria da Acispar

 

A presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais (Cimsaúde) e prefeita do município de Tibagi, Ângela Mercer de Mello, compõe a nova diretoria da Associação de Consórcios Intermunicipais de Saúde do Paraná (Acispar). A eleição ocorreu no mês de janeiro e o prefeito de Maringá, Roberto Pupin, foi eleito por unanimidade para assumir a presidência. Ângela assumiu na ocasião a 1ª vice-presidência do biênio 2015/2016. “Fiquei honrada com o convite do prefeito de Maringá para assumir a vice presidência da ACISPAR . Desta forma, e estando à frente do Consórcio dos Campos Gerais pelos próximos dois anos, tenho certeza de que poderemos trabalhar ainda mais pela área da saúde em nossa região”, destacou.

A eleição ocorreu na sede do Consórcio Público Intermunicipal de Saúde do Setentrião Paranaense (Cisamusep), em Maringá, e contou com a presença de diversos prefeitos e representantes de municípios que integram a associação, bem como o secretário de Gestão e Fazenda, José Luiz Bovo, o coordenador do Programa Pró-cidades do BID, Leopoldo Fiewski, entre outros.

“Quero marcar a nossa gestão, não simplesmente passar pela Acispar. Pretendemos nos reunir para organizar o cronograma da gestão, discutir e traçar metas visando o melhor para a saúde”, pontuou Pupin, que na sequência convidou a 1ª vice-presidente a discursar. “Sinto-me honrada e feliz com o convite. Entendemos que a saúde é o maior desafio para todos os gestores. Tenho certeza que vamos realizar um bom trabalho, para que possamos apresentar metas para a nossa região e nossos municípios”, comentou.

A Acispar foi fundada em 2001 e busca o fortalecimento dos consórcios e associações intermunicipais do Estado para reunir esforços para atingir objetivos comuns na área da saúde. Roberto Pupin também é presidente do Cisamusep para o biênio 2015/2016.

 

Conselho diretor 2015/2016

Carlos Roberto Pupin (Maringá) - Presidente

Angela Regina Mercer de Mello Násser (Tibagi) - 1ª Vice-presidente

Rogerio Antonio Benin (Honório Serpa) - 2º Vice-presidente

Sergio José Ferreira (Santa Mônica) - 1º Secretário

Luiz Carlos Ferri (Serranópolis do Iguaçu) - 2º Secretário

Marisa de Fátima Ilkiu (Porto Vitória) - 1ª Tesoureira

Ernesto Alexandre Basso (Nova América da Colina) - 2º Tesoureiro

 

Conselho fiscal efetivo

Angela Maria Moreira Kraus (Farol)

Claudemir Romero Bongiorno (Cianorte)

Jucenir Leandro Stentzler (Palotina)

 

Conselho fiscal suplente

João Elinton Dutra (Laranjal)

Silvio Antonio Damaceno (Prado Ferreira)

Paulo Armando da Silva Alves (Mariluz)

 

Com informações da Prefeitura Municipal de Maringá

 

Prefeita de Tibagi assume Consórcio de Saúde dos Campos Gerais

 

A prefeita do município de Tibagi, Ângela Mercer de Mello, assume em 2015 a presidência do Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais (CIMSaúde). A eleição por aclamação ocorreu na manhã desta sexta-feira na sede do Consórcio e contou com prefeitos de toda a região e do deputado federal Sandro Alex. Ângela fica a frente da entidade até o final de 2016. Os prefeitos de Sengés, Elietti Jorge, de Porto Amazonas, Ademir Schulli e de Jaguariaíva, José Slobodá, também compõe a chapa “Saúde que Queremos” ao lado de Ângela, como vice-presidente, tesoureiro e secretário, respectivamente. “Aceitamos esta missão, pois o presidente do Consórcio e prefeito de Castro, Reinaldo Cardoso, nos deixou a casa pronta”, destacou a presidente eleita, enaltecendo a ‘transformação’ do CIMSaúde.

Conforme Cardoso, a sua gestão foi mesmo marcada pelas mudanças, tanto na estrutura – com a mudança para sede própria – quanto nas áreas técnica, financeira e legal. “Assumimos o compromisso de fazer o Consórcio funcionar. E assim o fizemos. Em 2015 a missão será ampliar o atendimento, e isto também já demos início. A tendência é um atendimento melhor na área de saúde”, destacou. Em fevereiro do próximo ano já devem estar em funcionamento os consultórios de ultrassonografia e da ‘Mãe Paranaense’. “Também teremos consultório de oftalmologia, mas este ainda sem data prevista”, antecipa o presidente. Os equipamentos já começaram a ser adquiridos através de recurso repassado mensalmente através do Consus, programa da Secretaria de Estado da Saúde.

Para a presidente eleita, o nome da chapa registrada pelos novos membros da diretoria define a meta da próxima gestão. “Sabemos que a bandeira maior de todos os municípios é a saúde. E queremos deixar a área como a população quer. Como todos queremos: com mais qualidade”, exultou Ângela, antecipando que dará continuidade ao trabalho de expansão iniciado por Reinaldo.

A implantação do Samu Regional incorporado ao Consórcio de Saúde deve contar com novas discussões no próximo ano. “Acho que vamos acabar implantando nos municípios maiores, que já mostraram interesse”, contou o presidente do Consórcio.

Também fazem parte da chapa “Saúde que queremos” os prefeitos Lourdes Bannach (Ortigueira), Marcelo Hauagge Distéfano (São João do Triunfo) e Edir Havrechaki (Palmeira) como membros titulares do Conselho Fiscal. E como suplentes, os chefes do Executivo de Castro, Reinaldo Cardoso, de Piraí do Sul, Valentim Zanello Milleo, e de Carambeí, Osmar Blum.

 

Região conta com sete ônibus para transporte de pacientes


O Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais (CIMsaúde) recebeu do Governo do Estado sete ônibus para o transporte de pacientes da 3ª Regional de Saúde, que integra doze municípios da região, e da 21ª Regional, com sete municípios atendidos pelo Centro de Especialidades de Telêmaco Borba. Em Ponta Grossa, a entrega contou com a presença do secretário estadual de saúde, Michelle Caputo Neto, além de prefeitos e secretários da Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG). “Esta reestruturação do Consórcio só está sendo possível devido à união dos prefeitos e de parcerias como esta”, destacou o presidente do Consórcio e prefeito de Castro, Reinaldo Cardoso.
Para o presidente da AMCG, o prefeito de Carambeí, Osmar Blum, estas conquistas representam o avanço na área de saúde da região. “É muito bom ver que devido a nossa união conseguimos equipamentos e recursos para a saúde, bem como em outras áreas”, disse.
Durante a solenidade, em setembro de 2014, o secretário também destacou a parceria do Estado com os municípios, enumerando mais de R$ 120 milhões de investimentos na área da saúde na gestão última gestão do governo Beto Richa. “Nunca se colocou tanto recurso na área de saúde como agora”, avaliou. “E recursos bem aplicados, com o devido planejamento”, completou.
Com a entrega do transporte, o secretário disse que o Governo está visando o fortalecimento dos Consórcios Intermunicipais. “Estamos fortalecendo estas estruturas”, finalizou.

Reunião do Conselho de Secretários de Saúde da 3ª Regional de Saúde.

 

No dia 12 de fevereiro de 2014 ocorreu a 1ª (primeira) Reunião Ordinária do Conselho de Secretários Municipais de Saúde da 3ª Regional de Saúde, com a presença dos Secretários Municipais de Saúde de Arapoti, Castro, Ipiranga, Ivaí, Jaguariaíva, Palmeira, Piraí do Sul, Ponta Grossa, Porto Amazonas, São João do Triunfo e Sengés, Ediane de Fátima Mance (Apoiadora Regional do COSEMS), Senhor Jaime Menegotto Nogueira (Diretor Regional) e Representantes do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Campos Gerais. A reunião foi iniciada pelo Presidente do CRESEMS, Senhor Erildo Muller, onde foram abordados assuntos rotineiros da área da saúde, bem como a cobrança efetiva de melhorias nesta área. Sr. Erildo comentou sobre as dificuldades financeiras encontradas nos Municípios e a importância do fortalecimento dos Consórcios.

Sra. Konstance Diretora Executiva do CIMSAÚDE explicou aos presentes que o Consórcio nos próximos meses terá uma sede onde serão implantados atendimentos médicos especializados, dando apoio aos municípios consorciados na atenção secundária, a Diretora comentou também que o Presidente do CIMSAÚDE Dr. Reinaldo Cardoso Prefeito de Castro gostaria de realizar uma reunião com a presença dos Secretários e Prefeitos para expor a situação e todos os projetos já realizados do SAMU Regional.

Sr. Erildo enfatizou sobre a importância do SAMU Regional não somente como uma solução dos transportes dos pacientes, mas sim também que ele irá regular o sistema nas transferências, o que trará maior agilidade e efetividade nos atendimentos.

Outro assunto importante foi a nova eleição para a substituição do vice-presidente do Cresems Sr. João Miranda o qual se desligou do secretariado do município de Arapoti, onde por unanimidade a Sra. Eliana Selmer Secretária Municipal de Castro fica como a nova vice-presidente do Cresems.

Entre os contextos expuseram também outros problemas que vem ocorrendo na área da saúde e Sr. Erildo enfatiza a importância da participação dos secretários de saúde nas reuniões do Cresems onde fortalece a Região, Sr. Jaime Diretor da 3ª Regional de Saúde também destaca o desenvolvimento do CIMSAÚDE, que está iniciando uma nova fase como nunca existiu.

Reunião do CRESEMS

/album/galeria-de-fotos-noticias4/dsc04408-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias4/dsc04411-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias4/dsc04412-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias4/dsc04413-jpg/

Prefeitos debatem SAMU Regional e Convênio entre o Consórcio e Secretária de Estado.

 

Prefeitos e representantes dos 18 municípios que integram a Região dos Campos Gerais se encontraram nesta quarta (29-01) no salão de atos da Prefeitura Municipal de Castro, para a primeira reunião itinerante de 2014, ministrada pelo Presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais - CIMSAÚDE e Prefeito Municipal de Castro Dr. Reinaldo Cardoso, onde foram debatidos assuntos relacionados ao CIMSAÚDE e foi apresentada prestação de contas de 2013.

De acordo com o Presidente do CIMSAÚDE, neste ano (2014) serão desenvolvidos vários projetos, já para este semestre vem sendo planejado o SAMU Regional, onde um estudo sobre os custos já está sendo analisado desde o final de 2013 por um grupo técnico com participantes do Consórcio, 3ª Regional de Saúde, 4ª Regional de Saúde, 21ª Regional de Saúde e Secretária de Estado da Saúde (SESA).

“Ainda tem muito a ser discutido sobre o SAMU Regional, hoje foi uma prévia de tudo que está sendo preparado para a Região,” salientou Dr. Reinaldo.

Além disso, foi discutido o Convênio COMSUS firmado com a SESA em 2012 o qual tem como objetivo de alinhar o modelo de atenção dos Consórcios de acordo com as redes de atenção à saúde prioritárias: Rede Mãe Paranaense, Rede de Urgência e Emergência, Rede de Atenção à Saúde do Idoso, Rede de Atenção à Pessoa com Deficiência e Rede de Atenção à Saúde Mental.

Até o momento o Convênio está paralisado porque o CIMSAÚDE não possui uma sede para desenvolver as ações previstas no Plano de Trabalho, apenas o Município de Telêmaco Borba, onde abrange os municípios pertencentes a 21ª Regional de Saúde, tem implantado o Centro Rede Mãe Paranaense que vem realizando um belíssimo trabalho com as gestantes de alto risco da região, contando com uma equipe profissional de qualidade e com apoio do Prefeito Municipal  Luiz Carlos Gibson e seu Secretário de Saúde Claudio Souza.

Dr. Reinaldo sugeriu aos Prefeitos a continuidade do convênio com a locação de um outro imóvel  em Ponta Grossa para dar inicio a implantação das Redes prioritárias para atendimento inicialmente do Centro Rede Mãe Paraense, Rede de atenção a Saúde Mental e Pessoas com deficiência, onde o gerenciamento deste trabalho se dará pelo CIMSAÚDE.

SAMU Regional

/album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04288-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04291-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04292-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04293-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04298-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04299-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04295-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04300-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias3/dsc04303-jpg1/

Confraternização da Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG) reúne Prefeitos da região.

 

No último dia 30, a Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG) promoveu sua confraternização de Final de Ano no Recanto das Águas em Ponta Grossa. O encontro reuniu 15 dos 18 gestores dos municípios que integram a Associação, entre eles Reinaldo Cardoso - Prefeito de Castro e Presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais (CIMSAÚDE) , Braz Rizzi - Prefeito de Arapoti e Tesoureiro do CIMSAÚDE,  Osmar Blum – Prefeito de Carambeí, Cassemiro Martins – Prefeito de Imbaú, Jorge Sloboda – Prefeito de Ivaí, José Sloboda – Prefeito de Jaguariaíva, Lurdes Banach – Prefeita de Ortigueira, Edir Havrechaki – Prefeito de Palmeira, Valentim Milleo – Prefeito de Piraí do Su e Secretário do CIMSAÚDEl, Marcelo Hauagge – Prefeito de São João do Triunfo, Elietti Jorge – Prefeita de Sengés, Luiz Carlos Gibson – Prefeito de Telêmaco Borba e José Luiz Bittencourt – Prefeito de Ventania e Vice-Presidente do CIMSAÚDE.

O evento foi prestigiado também pela Diretora Executiva do CIMSAÚDE Konstance Johnsson Kremer, além dos Familiares e Secretariado dos convidados. Para a Presidente da AMCG e Prefeita de Tibagi, Ângela Mercer de Mello, a ocasião foi muito especial, já que houve o prestígio da maioria de seus colegas. “Temos que comemorar esta ocasião”, disse, citando cada um dos prefeitos presentes e seus méritos junto à Associação. “Todos foram muito importantes nesta minha trajetória à frente da entidade durante este ano. Foi devido a nossa força e união que recuperamos o prestígio junto ao Governo do Estado”, enfatizou. Os gestores dos Campos Gerais elogiaram a iniciativa da confraternização. “Quero agradecer a você Ângela por nos proporcionar momentos como esse. A cada dia aprendo um pouco com os prefeitos de nossa região através da AMCG”, agradeceu o Prefeito de Ipiranga, Roger Selski em seu discurso.

 

 

Fonte: amcg/facebook.com (adaptado)

 

Confraternização AMCG

/album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4745-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4620-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4639-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4640-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4701-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4712-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4714-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4715-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4719-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4720-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4724-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4727-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4743-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4760-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias2/img-4749-jpg/

Rede Mãe Paranaense melhora atendimento das gestantes na região de Telêmaco Borba

 

Atendimento humanizado e de qualidade é oferecido para 196 gestantes que passam todos os meses pelo Centro Mãe Paranaense de Telêmaco Borba. O espaço é administrado em parceria pelo Governo do Estado, a prefeitura e o Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais.

As gestantes, vindas de sete municípios (Telêmaco Borba, Curiúva, Ventania, Tibagi, Reserva, Ortigueira e Imbaú), encontram recepção acolhedora, colorida em verde e rosa. À medida que são chamadas para a consulta, elas recebem as boas-vindas das enfermeiras obstetras Thaisa Nascimento Feitoza e Jaine Eulália Aleixo Rodrigues.

A enfermeira Thaisa coordena a unidade inaugurada em maio de 2013. “O atendimento aqui é humanizado, com pessoas comprometidas para transmitir aconchego e tranquilidade para as gestantes. A gravidez não é doença, mas a gestante precisa de cuidados, porque o corpo muda muito e a mente também”, explica.

Edineuza Mainardes de Matos, 28 anos, mora em Curiúva, e foi encaminhada para o Centro Mãe Paranaense assim que descobriu a gravidez. Ela sofre de epilepsia e pressão alta. “Já perdi um bebê aos seis meses de gestação. Nesta gravidez comecei o pré-natal aqui no Centro Mãe Paranaense”, conta. Thaila Yasmim, nome já escolhido por Edineuza para a filha, deve chegar em 7 de janeiro.

EQUIPE - A equipe é composta por ginecologistas/obstetras, pediatras, enfermeiras obstetras, psicólogos, assistentes sociais, nutricionistas e técnicos de enfermagem. “O atendimento é multidisciplinar, preparado para antever um possível problema e garantir que estas mães e bebês tenham o atendimento adequado na hora do parto”, explica o médico Lourival Faucz Filho.

A gestante Kely Cristina de Souza Gurski, 29 anos, espera o primeiro filho. Ela começou o pré-natal no município de Reserva, mas foi encaminhada para o Centro Mãe Paranaense de Telêmaco Borba. “Ela está sendo atendida aqui porque existe a suspeita de complicações renais no bebê. A partir de agora ela será acompanhada com consultas e exames mais frequentes até o parto”, disse o médico.

Ele destacou que a gestante não perderá o vínculo com a unidade de saúde do município onde iniciou o pré-natal. O acompanhamento dela e do bebê no pós-parto será feito pela unidade de saúde, com o apoio do Centro Mãe Paranaense.

 

Fonte: Secretária de Estado da Saúde do Paraná (SESA)

Rede Mãe Paranaense

/album/galeria-de-fotos-noticias/centro-mae-paranaense-1-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/a4664512c65c132229bc95749546669ef-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/centro-mae-paranaense-2-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/a2013-10-01-10-17-32-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/a2013-10-01-10-12-24-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/dsc-0033-jpg1/ /album/galeria-de-fotos-noticias/a2013-10-01-10-14-28-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/a2013-10-01-10-10-25-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/a2013-10-01-10-11-29-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias/a2013-10-01-10-13-48-jpg/

Governo inaugura ala de UTI Neonatal do Hospital Universitário

 

Ato de inauguração da ala de UTI Neonatal marca transformação do Hospital Regional em Hospital Universitário Regional dos Campos Gerais (HURCG)

 

“Em saúde temos que fazer sempre mais e fazer melhor”. Com esta afirmação o secretário estadual da Saúde, Michele Caputo Neto, falou sobre a entrega de 10 leitos de UTI Neonatal ao Hospital Universitário Regional dos Campos Gerais (HURCG), nesta segunda-feira (4/11), no Campus Uvaranas da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). A inauguração oficial da nova ala do HURCG contou ainda com a presença do secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes, e do reitor da UEPG, Carlos Luciano Sant’Ana Vargas, prefeitos e secretários municipais da saúde da região. As novas UTIs estão em operação desde a última sexta-feira (1/11), à disposição da Central de Regulação de Leitos do Paraná.

Caputo Neto lembrou que o Hospital Regional de Ponta Grossa, transformado em hospital de ensino, agora sob a gestão da UEPG, foi entregue sem condições de funcionamento imediato, devido a uma série de fatores, como ausência de orçamento, pendências da obra, deficiências estruturais e carências de recursos materiais, tecnológicos e humanos. “Considerando a conjuntura da região, com vazios assistenciais e gargalos, decidiu-se que o Hospital Regional deveria integrar as políticas de saúde do Estado, integrando-se às redes estaduais de atenção à saúde e consolidando-se como hospital escola”.

Com os diversos avanços registrados desde que assumiu a Secretaria de Saúde, Caputo Neto afirma que cumpre agora o compromisso assumido com a UEPG, de passar o hospital para a gestão da universidade no tempo certo, quando o este estivesse em boas condições de funcionamento. Nesse sentido, destacou a parceria com a UEPG, construída com planejamento. “Parceiro é aquele que ajuda a construir a solução”, completou, observando que a os problemas funcionais e estruturais do hospital estão sendo superados. “Todos os esforços foram no sentido de estimular e qualificar gradativamente os serviços”.

“Além da entrega dos 10 leitos de UTI Neonatal, este momento marca a transformação do Hospital Regional em Hospital Universitário”, disse o secretário João Carlos Gomes, citando que a transferência definitiva da gestão da UEPG foi assinada pelo governador Beto Richa no último dia 23 de outubro (Decreto 9.211). “É um grande momento para a nossa cidade e para a comunidade regional”, disse o secretário, ex-reitor da UEPG. “Não tenho dúvida do que representa para a comunidade um hospital com qualidade. A UEPG já está demonstrando sua capacidade, com trabalho e dedicação. Esta tem sido a marca da nossa instituição”.

O reitor Carlos Luciano Sant’Ana Vargas recorda que o processo que resultou na transferência do Hospital Regional para a UEPG teve início, ainda na gestão do reitor Paulo Roberto Godoy (2002/2006), quando se definiu pela construção do hospital no Campus de Uvaranas. Na época, eram três as áreas indicadas para a obra. “A construção nesse local, inclusive, foi fundamental para a reabertura do curso de Medicina”, completa. Sobre a parceria com a Secretaria da Saúde, reiterou que nada vai mudar, uma vez que o Hospital Universitário continua sendo regional, trabalhando um conjunto com o governo e as prefeituras da região. Nesse aspecto anunciou a parceria com o Consórcio Intermunicipal de Saúde dos Campos Gerais, que vai viabilizar o atendimento em âmbito regional.

Em nome dos prefeitos presentes na inauguração, o prefeito Marcelo Rangel, de Ponta Grossa, colocada a cidade como um grande polo, cujos hospitais municipais acabam recebendo pacientes das demais cidades da região. “Com o fortalecimento do Hospital Universitário, não tenho dúvidas, que estrutura de saúde do município também será beneficiada, com um atendimento de melhor qualidade”, disse o prefeito. Referindo-se aos muitos benefícios que o secretário Michele Caputo Neto tem trazido para a cidade, citou a construção do Centro Regional de Especialidades, cujas obras iniciam em 2014, para atender a todos os municípios dos Campos Gerais.

O diretor do HURCG, Everson Augusto Krum, disse que o principal objetivo da equipe do hospital, médicos, enfermeiros e pessoal de apoio, é prestar ao paciente SUS o atendimento de qualidade. “Por mais adversidades que possamos ter, temos essa meta de fazer deste hospital uma referência nas mais diversas áreas”, disse. Sobre os novos leitos de UTI Neonatal, reiterou que o objetivo é atender os municípios dos Campos Gerais, podendo receber pacientes de todo o Estado, se houver necessidade. “Essas UTIs Neonatais vão contribuir para redução significativa dos índices de mortalidade infantil na região”.

Ainda em novembro, anuncia Everson Krum, o HU dará início às cirurgias eletivas em ortopedia, principalmente cirurgias de joelho por vídeo. “Foram investidos R$ 500 mil em órteses e próteses”. Na segunda quinzena, passarão a ser ofertadas consultas de oftalmologia; e até o final do mês será realizada a primeira cirurgia plástica reconstrutora de mama, pós mastectomia. “Os materiais foram adquiridos e duas pacientes já consultaram e aguardam o momento da cirurgia, totalmente coberta pelo SUS”.

Também já foi adquirido o equipamento de ressonância magnética, orçado em R$ 2,3 milhões. “O primeiro em hospital público da região, aguardando apenas a adequação do espaço físico para entrar em operação”. Na estrutura de trabalho dos médicos e profissionais do hospital, foram adquiridos computadores para todos os consultórios, que passam a estar integrados ao sistema de gestão hospitalar, possibilitando agilidade na elaboração do prontuário, prescrição e solicitação de exames.

Na solenidade de inauguração da UTI Neonatal, os secretários Michele Caputo Neto e João Carlos Gomes assinaram uma resolução conjunta (90/2013 – SETI/SESA) que cria um comitê técnico específico para discutir o orçamento anual dos hospitais universitários. O grupo será responsável por apresentar propostas, debater, acompanhar e avaliar todas as questões relacionadas à parte do orçamento da Secretaria da Saúde que é destinado aos hospitais universitários.

 

por Neomil Macedo

Fonte: portal.uepg.br

Inauguração UTI Neonatal

/album/galeria-de-fotos-noticias1/a1450848-10200203048153442-1893082503-n-jpg1/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti2-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti3-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti4-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti5-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti6-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti7-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti9-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti10-jpg/ /album/galeria-de-fotos-noticias1/hu-uti11-jpg/

 

PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE SAÚDE

ANO 2018

CREDENCIAMENTO

Download Edital